Espaço pra Deus...

Por Edvaldo Tomé e Cristiane Tomé

Em um culto de domingo à noite, ficamos intrigados ao ouvir, de um ministro de louvor, que a música a seguir se "encaixaria perfeitamente com os visitantes" que estavam presentes no local. Por isso, paramos para refletir sobre a letra da canção, que segue:


Na primeira estrofe encontramos: "Pra ter de volta o que se perdeu; Eu abro espaço pra Deus; Ouvir Sua voz e obedecer; Pra Viver o que Ele me prometeu." Achamos que o autor equivoca-se ao dizer que abre espaço para Deus para ter de volta aquilo que perdeu. Nosso Deus não quer que reservemos um "espaço" para Ele em nossas vidas mas sim, que entreguemos nossas vidas em suas mãos. Ele quer a totalidade e não apenas um espaço. 
Menos ainda, esse "espaço" deve estar condicionado a reaver algo que foi perdido. Ora, se estou em Cristo, sou nova Criatura e não preciso ter de volta aquilo que se perdeu. É o que diz o Apóstolo Paulo: "Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo." 2 Co 5.17. É totalmente incoerente falar de novo nascimento e requerer algo que foi perdido. Vai contra às Escrituras. E ainda, a obediência a Deus, não deve estar condicionada a alcançar as suas promessas. Se entregar a Deus não é uma condição para a nossa felicidade terrena e sim para a vindoura (celestial).   

"Quero os caminhos mais altos que os meus; Vou abrir espaço pra Deus; Quando a dor e o medo tentam me parar; O Meu Deus me ensina; Que é sempre melhor confiar"
Aqui novamente verificamos que o autor condiciona abrir espaço para Deus para obter "caminhos mais altos", Deus não é um Deus de troca. Ele não quer que nos acheguemos a Ele para alcançar objetivos mais elevados. Na verdade, Ele busca adoradores que o adorem em espírito e em verdade. A segunda parte da estrofe, não fere os princípios Bíblicos.

"Abro pra Deus; A porta do meu coração; E o que é impossível confio em Suas mãos; Para viver o sonho que um dia morreu; Eu abro espaço pra Deus"
É correto abrir a porta do coração para que Deus entre, como também, entregar em suas mãos o que é impossível. Porém, não devemos fazê-lo em troca da realização de um sonho frustrado. Devemos sim, abrir a porta do nosso coração para que Deus entre e faça morada nele, sem impor condições.

"Eu abro espaço pra Deus... Consagro minha vida a Deus. Meus dias entrego a Deus. Meus sonhos confio a Deus; Descanso no Tempo de Deus."
Se a canção fosse apenas a última estrofe, exceto o verso "eu abro espaço pra Deus", não teríamos redigido esta análise crítica na qual a canção foi confrontada com o que diz a Bíblia Sagrada.

Caro leitor, nosso intuito é conscientizar a todos sobre a importância de darmos louvores a Deus e de sermos fidedignos às Sagradas Escrituras.

Comentários

  1. Ola Ed tudo na Paz de Cristo?
    Belo blog estou te seguindo e vou passar todas as vezes aqui pra registrar minha visita e deixar meu comentário e peço a sua visita lá no meu blog , valeu ?
    Ate mais e fique com Deus .
    Filipe Ivo
    www.pensologopesquiso.com

    ResponderExcluir
  2. "Sola Peroba!"

    Microscopicamente (João 3.30),

    Walter Filho

    http://blogdowaltim.blogpot.com

    ResponderExcluir
  3. Muito bom Edvaldo Tomé, Na frase "eu abro espaço pra Deus", deu ideia de troca ( Eu abro espaço pra Deus se ele me abençoar com isso ou aquilo...). Devemos entregar nossas vidas a Deus e não somente reservar um "espaço", a ele sempre devemos dar o melhor. E na estrofe: "Pra ter de volta o que se perdeu; Eu abro espaço pra Deus; Ouvir Sua voz e obedecer; Pra Viver o que Ele me prometeu." Como recem convertida não quero de volta meu passado, estou muito bem como nova criatura. Foi realmente um equivoco do autor.

    ResponderExcluir
  4. Concordo, precisamos prestar mais atenção ao que cantamos pois muitas vezes não estamos louvando a Deus. somos tomado pela melodia, choramos alí levados peloa emoção do momento mais continuamos vazios por dentro.

    ResponderExcluir
  5. DISCORDO COMPLETAMENTE!!!!
    acho que ao invés de ficarmos procurando erros nas musicas, devíamos procurar saber sob quais circunstancias o Cantor Davi Sacer compôs esta musica,e mais ainda o motivo que levou o grupo a colocar esta musica no CULTO DOS VISITANTES,VOCÊS SABEM???sabem como foi o agir de Deus no dia que esta musica foi cantada???Sabem como Deus trabalhou no momento em que esta musica foi cantada??? Vamos parar de perder tempo, e vamos passar a Ver mais as maravilhas que deus tem feito... Deus tá trabalhando enquanto muitos ficam apenas criticando!!!
    (Perdoe-me pela forma de me expressar,mais é o que penso)

    ResponderExcluir
  6. Olá Danielli. Nós do Blog do Ed ficamos felizes pelo seu comentário. Percebe-se que você analisou detidamente a letra da canção à luz da Palavra de Deus para posteriormente discordar do nosso ponto de vista, não é mesmo?
    No entanto, apesar da crítica da referida canção já ter sido efetuada, cabe a nós, responder o seu comentário.

    Primeiro ponto: Quando encontramos erros nas músicas significa que as mesmas não estão de acordo com o que diz às Escrituras. Desafio você a encontrar na Bíblia algum versículo que cita que devemos "abrir espaço para Deus", seja para "ter de volta o que se perdeu" ou para "ter caminhos mais altos".

    Segundo ponto: acreditamos, sim, que o autor deva ter seus motivos para compor a canção totalmente antropocêntrica (homem como centro de tudo), o que não aceitamos é que a mesma faça parte de um culto de louvor na igreja, uma vez que louvor é o objetivo para o qual nascemos, ou seja, Deus nos criou para louvar a Ele e Ele DEVE SER O CENTRO. Quando não entoamos em nossos cultos cânticos que glorifiquem e exaltem apenas a Deus, perdemos a nossa identidade, já que para isso fomos criados. Jo 4.23

    Terceiro ponto: os motivos que levaram o grupo de louvor a colocar esta música no culto de visitantes, nós não sabemos e acreditamos que nem os próprios visitantes, já que não ficou claro nem para aqueles que conhecem a Palavra Deus. Com todo respeito, a música nos leva a pensar que podemos barganhar com Deus. Espero que os visitantes não tenham entendido desta maneira, uma vez que a Bíblia não nos ensina isso. Ao contrário, nos ensina que devemos negar a nós mesmos para seguir a Jesus (Lc 9.23). Cara Danielli, não posso pensar que devo abrir espaço para Deus apenas para ter de volta o que se perdeu. O que as pessoas que ainda não conhecem a Cristo precisam ouvir, é palavras que levem as mesmas a se arrependerem de seus pecados e aceitarem a Jesus como seu único e suficiente Salvador. Lc 5.32

    Quarto ponto: temos certeza que o agir de Deus aconteceu independente da canção. Mais certeza ainda de que não foi a canção a responsável pelo agir de Deus naquele culto. Pois naquele dia foi apresentada uma peça por membros da IGREJA BATISTA JARDIM DAS OLIVEIRAS. Desculpe a nossa sinceridade, mas se tivéssemos voltado para casa após o louvor, voltaríamos da mesma forma em que chegamos. Porém, durante a PALAVRA DE DEUS MINISTRADA ATRAVÉS DA PEÇA, O EVANGELHO PURO E SIMPLES DA SALVAÇÃO (sem barganha), testificamos o agir de Deus, o que não aconteceu no momento em que tal música foi cantada.

    Quinto ponto: PERDEMOS TEMPO EM LER A BÍBLIA E COMPARAR AS LETRAS ESDRÚXULAS DAS CANÇÕES À LUZ DA PALAVRA DE DEUS? Acreditamos que não. Assim como os Bereianos, que conferiam nas Escrituras tudo o que os Apóstolos diziam (At 17.11), o Blog do Ed tem esta finalidade. Não é perda de tempo abrir a Bíblia e examinar se a palavra do Pastor ou o louvor que é cantado está de acordo com o que diz as Escrituras. Achamos que se todos os cristãos fizessem isso (leitura diária da Bíblia), teríamos uma igreja mais sadia e incorruptível e não pensaríamos em "abrir espaço para Deus, para ter de volta o que se perdeu". Outro aspecto importante é que se as pessoas lessem mais a Bíblia e tivessem mais intimidade com o que diz a Palavra, saberiam que "deus" (COM LETRA MINÚSCULA) não opera nenhum tipo de maravilha.

    Sexto ponto: Deus trabalha em todo tempo, porém não se agrada em ver a sua Palavra sendo deturpada, principalmente no louvor, já que, repito, foi para este objetivo que Ele nos deu a vida. Is 43.21
    Perdoamos, sim, a sua forma de expressar e ficamos decepcionados em saber que pensa desta forma, pois nós como cristãos devemos ter nossos pensamentos embasados única e exclusivamente na Palavra de Deus. Aconselhamos a todos que antes de realizarem críticas ou comentários a respeito de nossas análises, que embasem seus argumentos na Bíblia Sagrada como fazemos, pois ela é inerrante.
    Blog do Ed

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Seja bem vindo para comentar esta publicação no Blog do Ed.

Não serão aceitos comentários anônimos.

Pode elogiar, criticar, e até discordar de tudo o que leu aqui, mas, o faça com educação. Lembre-se, outras pessoas irão ler seu comentário.