Vai ser comida de Bicho?

Por Edvaldo Tomé

Da série entendendo o que canta: Vai ser comida de bicho:


Confesso que fiquei estarrecido com a letra da canção. Acho que nunca ouvi nada tão bisonho, apesar da "poesia" gospel não está lá essas coisas.

Primeiramente, cumpre destacar o fato narrado pela canção que envolve o rei Herodes. Lucas descreve em Atos 12.20-24 o seguinte:

"Ele estava cheio de ira contra o povo de Tiro e Sidom; contudo, eles haviam se reunido e procuravam ter uma audiência com ele. Tendo conseguido o apoio de Blasto, homem de confiança do rei, pediram paz, porque dependiam das terras do rei para obter alimento. No dia marcado, Herodes, vestindo seus trajes reais, sentou-se em seu trono e fez um discurso ao povo. Eles começaram a gritar: "É voz de deus, e não de homem". Visto que Herodes não glorificou a Deus, imediatamente um anjo do Senhor o feriu; e ele morreu comido por vermes. Entretanto, a palavra de Deus continuava a crescer e a espalhar-se." (NVI)

Embora Tiro e Sidom fossem cidades livres, dependiam para alimentação das colheitas da Galiléia no reino de Herodes. Por alguma razão desconhecida Herodes zangou-se com essas duas cidades. E por isso, querendo fazer as pazes com ele, presumivelmente subornaram Blasto para que intercedesse junto ao rei conseguindo-lhes uma audiência.

No dia designado, de acordo com Flávio Josefo, era uma festa em honra de imperador. Para receber os delegados de Tiro e Sidom em audiência, Herodes enfeitou-se com roupas feitas inteiramente de prata.

E o povo exclamava, "voz de Deus, e não de homem". O povo procurou agradar Herodes declarando que ele era mais do que mortal. Herodes, ao invés de rejeitar a declaração de deidade (divindade), gostou da bajulação do povo - até vir a sofrer a consequência de tal blasfêmia.

O desejo de ser divino, de ser tratado como um deus, é a raiz da soberba de uma pessoa. Por outro lado, a essência da humildade é lembrar-se de que somente Deus é Deus.

Feitas as devidas ponderações e explicado o real motivo da morte de Herodes, podemos analisar friamente a anormalidade da canção.

No caso específico, Herodes deixou de dar glória a Deus após o povo ter aclamado por voz de Deus. Por este motivo ele foi morto e "comido de bicho".

Seria o mesmo que um pregador ou cantor recebesse os aplausos do público que lhe assiste e ao invés de glorificar a Deus, recebe para si as as glorificações.

Agora, afirmar que se não adorar vai ser comido de bicho; e se não gosta de dar o dízimo também será comido de bicho, e outras atitudes que a letra da canção sugere, é uma afronta às Escrituras, pois ela não traz esta penalidade.

Lembrando o que diz a palavra de Deus:

"Toda a Palavra de Deus é pura; escudo é para os que confiam nele. Nada acrescentes às suas palavras, para que não te repreenda e sejas achado mentiroso." Pv 30.5-6

Seria tal canção mentirosa?

Comentários